Lipoaspiração x lipoescultura: você sabe a diferença?

Lipoaspiração x lipoescultura: você sabe a diferença

Embora sejam procedimentos com nomes semelhantes, há diferenças entre a lipoaspiração e a lipoescultura. No artigo de hoje, vamos explicar a diferença entre as duas técnicas e sanar as dúvidas mais comuns.

A lipoaspiração é um dos procedimentos mais procurados no segmento de cirurgia plástica. A técnica da lipoaspiração é utilizada para a eliminação de depósitos de gordura em algumas regiões do corpo. As áreas lipoaspiradas mais comumente são: abdômen, coxas, culotes, entre outras.

A lipoaspiração é uma cirurgia plástica indicada para aquelas pessoas que mesmo sendo adeptas de atividades físicas regulares e de hábitos saudáveis de alimentação, não conseguem perder a gordura localizada em algumas partes do corpo.

A cirurgia é realizada por meio de uma cânula inserida na região do corpo em que se deseja eliminar gordura. Com movimentos firmes e vai e vem, o cirurgião aspira a gordura e a descarta. Para garantir a segurança dos pacientes, o máximo de gordura que pode ser aspirada em uma cirurgia é o equivalente a 7% do peso do paciente.

A lipoescultura é semelhante à lipoaspiração, ou seja, o cirurgião também insere uma cânula para aspirar gordura contida nos depósitos. No entanto, neste tipo de cirurgia, a gordura não é descartada. Ela é utilizada para esculpir e modelar outras áreas do corpo.

Depois de retirada, a gordura é preparada e inserida em regiões como glúteos, pernas e até no rosto, com o objetivo de melhorar os contornos e preencher depressões e vincos. Portanto, a lipoescultura combina duas técnicas: a lipoaspiração e o enxerto de gordura. A lipoescultura é comumente utilizada para aumento dos glúteos e para reduzir sulcos no rosto.

É importante afirmar que ambos os procedimentos são indicados apenas para pessoas que possuam gordura localizada e que desejam moldar o corpo. A lipoaspiração ou a lipoescultura não são indicadas para pessoas que esperam emagrecer após o procedimento ou para pessoas obesas.

 

Qual o melhor procedimento a lipoaspiração ou a lipoescultura?

Tudo depende de seu objetivo e apenas o cirurgião plástico poderá decidir qual procedimento usar em cada caso. Durante as consultas, o paciente deve relatar seus descontentamentos e suas expectativas em relação ao seu corpo. O cirurgião, então, de posse de todas as informações, optará por um ou outro procedimento.

Vale lembrar que ambos procedimentos são cirúrgicos e, por isso, devem ser realizados em ambientes propícios, como hospitais. Também são procedimentos que requerem o uso de anestesia. Sendo assim, é importante conhecer como a cirurgia será realizada, tipo de anestesia, etc.

Além disso, é necessário que os pacientes sigam instruções no pré e no pós-operatório para que o resultado seja o mais satisfatório possível. O paciente que se submente a esses procedimentos precisa ficar internado, pelo menos, por 24 horas. No entanto, dependendo do caso, o paciente somente poderá voltar à sua rotina normal após 14 dias do procedimento.

Ambos procedimentos podem, ainda, estar associados com outras cirurgias, como a mamoplastia de aumento, a rinoplastia, entre outras. Independentemente do procedimento cirúrgico, é necessário tomar algumas precauções para que a cirurgia seja realizada com segurança. Sempre procure um cirurgião especialista registrado na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.



Leia Mais