Carboxiterapia: conheça os efeitos desta técnica

Postagem_Luciano_08_09

Conheça os efeitos desta técnica de carboxiterapia. A carboxiterapia é uma técnica muito utilizada no segmento da estética, principalmente porque produz bons resultados que possuem longa duração.

Para aqueles que ainda não estão familiarizados com a técnica, a carboxiterapia é a aplicação de gás carbônico sob a camada superficial da pele. A presença do gás carbônico estimula a circulação, renovação e a oxigenação das células, que resulta na melhora da flacidez, na redução de gordura localizada, pois quebra as células adiposas, e na redução expressiva de marcas de celulite e estrias.

Como é feita a aplicação da Carboxiterapia

O gás carbônico utilizado é aplicado por meio de injeções e, por isso, esse procedimento não pode ser realizado por qualquer profissional. Somente um fisioterapeuta com especialização dermatofuncional é que possui capacitação para tal função.

O gás parte de um cilindro de gás carbônico medicinal regulável que o envia para uma cânula acoplada à uma agulha com calibre delgado. Quando o gás carbônico entra sob a camada superficial da pele, promove um pequeno deslocamento e preenchendo a área.

Na verdade, a profundidade em que a agulha é inserida depende da finalidade do tratamento. Para os tratamentos para eliminação da celulite, por exemplo, a agulha é posicionada entre a pele e a camada de gordura local para que o gás carbônico seja liberado.

Já para os tratamentos para a melhora da aparência das marcas deixadas por estrias, a agulha é posicionada sobre a própria marca para a liberação do gás.

Devido ao deslocamento da pele com a entrada do gás, a carboxiterapia pode apresentar um leve desconforto e dores nos pacientes mais sensíveis. No entanto, o fisioterapeuta especializado, inicia a sessão injetando quantidades menores do gás para que o cliente possa se familiarizar com a sensação.

Benefícios da carboxiterapia

A técnica é, hoje, uma das mais procuradas no segmento da estética. Isso porque apresenta excelentes resultados.

A presença do gás carbônico na camada superficial da pele atua causando uma vasodilatação, a qual resulta na melhora da irrigação sanguínea local. Por conseguinte, a oxigenação na área da aplicação e adjacências se torna mais eficiente, ocorrendo o aumento do metabolismo local e a renovação celular.

Concomitantemente, o gás carbônico promove a quebra de fibroses que ocasionam as estrias. Ele age distendendo a marca da estria, que fica visível na hora da aplicação. A presença do gás na região estimula a produção de colágeno e, dessa forma, a carboxiterapia também é muito eficaz no tratamento de cicatrizes e fibroses oriundas de procedimentos cirúrgicos.

Embora a técnica apresente resultados mais rápidos em estrias vermelhas, as brancas também apresentam uma melhora visível e significativa após algumas sessões. Os efeitos pós-aplicação podem incluir pequenos edemas que desaparecem em poucas horas.

A carboxiterapia pode ser aplicada em diversas regiões do corpo. As áreas mais comuns são nos glúteos, quadris, abdômen e rosto. A técnica é muito eficiente no tratamento de olheiras e para a flacidez da pele do rosto em geral. O gás carbônico estimula a formação de novos vasos, amenizando a coloração escura das olheiras e, também, na produção de colágeno e elastina.

A quantidade de sessões para que se note os resultados varia de caso para caso. No entanto, em linhas gerais, são necessárias de cinco a dez sessões. Aproveite os resultados comprovados da carboxiterapia e melhore a sua autoestima.

Conheça mais em nosso espaço de Estética Integrada.



Leia Mais