Tudo sobre abdominoplastia para lactantes

Apesar de ser um momento único, sabemos que a gestação traz algumas alterações físicas ao corpo da mulher. Nesse sentido, a busca por procedimentos estéticos e cirúrgicos – como a abdominoplastia para lactantes, por exemplo – com foco na recuperação do corpo anterior à gestação é sempre positiva.

Mas é preciso ficar atenta: por se tratar de uma procedimento invasivo, a abdominoplastia para lactantes requer alguns cuidados. Antes de realizar a cirurgia, conheça as questões que mais geram dúvidas e informe-se na consulta médica.

Depois da gestação, qual é o melhor momento para fazer a abdominoplastia?

A partir do desmame do bebê, a mulher já poderá submeter-se a abdominoplastia. Por isso, esse período pode variar entre 6 meses a 1 ano, após o parto. Também só é recomendado quando se recuperou o peso normal.

O cenário ideal, recomendado por especialistas, é de que a mulher faça a abdominoplastia pelo menos 2 anos após o nascimento do bebê. A explicação é simples: como a criança já estará andando, a necessidade de pegá-la no colo é menor, otimizando o processo pós-operatório.

Fiz a abdominoplastia. Posso engravidar novamente? A barriga volta ao normal?

Sim, você pode engravidar! No entanto, a gravidez em mulheres com abdominoplastia traz algumas particularidades:

  • A barriga cresce menos – sem interferir no desenvolvimento do bebê.
  • Aumenta-se a sensibilidade do bebê já no início da gestação, uma vez que o abdômen terá um menor acúmulo de gordura.
  • As mulheres sentem a região do abdômen dolorida, sensação semelhante a notada após uma sessão intensa de atividade física.

Quanto às diferenças físicas: caso a mulher tenha um ganho de peso dentro do esperado para a gestação, entre 9 e 10 kg, a barriga poderá retornar rapidamente a sua forma física proporcionada pela abdominoplastia. No entanto, caso haja um ganho maior de peso, recomenda-se a realização de um novo procedimento – dentro dos prazos estabelecidos.

Há diferenças entre abdominoplastia após partos normais ou cesarianos?

Em ambos os casos, é possível realizar a abdominoplastia. Portanto, não há diferenças. Apenas alguns detalhes como a posição da cicatriz, que pode variar.

Escolha uma clínica renomada para a sua abdominoplastia

Antes de escolher a clínica na qual realizará sua abdominoplastia, é preciso avaliar alguns pontos importantes, dentre eles: experiência e formação dos profissionais, cadastros do estabelecimento nos órgãos reguladores, experiências em determinados tipos de procedimento, dentre outros.

A Clínica Luciano Schütz é referência em estética integrada, cirurgia plástica, podologia, nutrição e vacinação. Como uma estrutura moderna, também reúne um corpo clínico de destaque.

O Dr. Luciano Schütz é médico, cirurgião plástico e membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Como formação acadêmica, possui Graduação em Medicina e Pós-graduação em Cirurgia Plástica, na Universidade Federal de Santa Catarina.

Entre em contato conosco e conte-nos mais sobre os seus desejos estéticos. Estamos prontos para lhe receber e trabalhar pela sua satisfação e bem-estar! Anote nossos telefones: (48) 3430-0990 / 3413-6090 / 9915-0990.



Leia Mais